Os Países Baixos procederam à revisão da classificação de segurança atribuída a Portugal Continental, bem como aos arquipélagos dos Açores e da Madeira. Assim e com início no passado dia 15 de maio de 2021, aqueles territórios estão agora classificados com a cor amarela, pelo que as medidas restritivas aplicadas aos viajantes que chegam aos Países Baixos, com origem em Portugal ou ilhas, foram adaptadas em conformidade.


À semelhança do que já acontecia desde o passado dia 9 de abril, aos passageiros oriundos de Portugal Continental e Arquipélago dos Açores, deixou agora também de ser obrigatória a apresentação de comprovativo de teste PCR e/ou teste rápido antigénio à infeção por coronavírus, aos passageiros que viajam para os Países Baixos a partir do arquipélago da Madeira. Também a quarentena deixou de ser fortemente recomendada aos passageiros oriundos daquelas localidades.


Apesar dos Países Baixos já não exigirem a apresentação de comprovativo dos referidos testes, mantém-se a recomendação de que as deslocações de e para os Países Baixos se limitem apenas às viagens essenciais.


Tendo em conta que as medidas restritivas são adaptadas consoante o desenvolvimento da situação epidemiológica em cada país, alertamos para o facto de estas medidas poderem ser alteradas a qualquer momento. A informação supra pode ser consultada no site oficial, em: https://www.nederlandwereldwijd.nl/landen/portugal/reizen/reisadvies


No sentido de ver esclarecida qualquer dúvida relacionada com requisitos para poder viajar, recomenda-se sempre o contacto antecipado com a respetiva companhia aérea.


Acompanhe as atualizações das medidas restritivas sobre viajar para os Países Baixos, em: https://www.government.nl/topics/coronavirus-covid-19/visiting-the-netherlands-from-abroad

  • Partilhe